Fechado o dissídio das conservas 2017

Assinado o novo dissidio para os trabalhadores das industrias de conservas;

Piso R$ 1.234,00.

Aumento para quem ganha mais que o piso:  4.5 %. retroativo a 1º de maio.
Auxílio escolar de R$ 400,00 pago em março/2018.
Garantidas as cláusulas de prêmio por tempo de serviço: 2 por cento a cada cinco anos e um salário quando completar dez anos.
Em fevereiro de 2018, quando aumentar o piso regional, aumenta também o piso para os trabalhadores das industrias de conservas

Aprovado novo dissídio para os trabalhadores dos Frigoríficos

17757265_521163418271442_1921394197890762371_n

Confira como ficaram os novos pisos para os trabalhadores  dos Frigoríficos de Pelotas e Capão do Leão:

Reajuste Salarial – Em 1º de junho    de 2017, os salários em geral serão reajustados com os seguintes percentuais:

  • 4,57% até R$ 1.620,00
  • 4,28% de até R$ 1.621,00 a R$ 2.400,00
  • 4% acima de R$ 2.400,00

Salários

1º de junho de 2017

R$ 1.250,00

R$ 1. 396,50 piso profissional

Vale Alimentação – R$ 1.274,50 pago em 10 vezes conforme cláusula da convenção 2016.

Manutenção das demais cláusulas sociais da convenção 2016.

Diferenças – As diferenças resultantes do reajuste previsto nesta cláusula serão pagas, juntamente com a folha de pagamento do mês de Junho/2017.