AGORA É GREVE GERAL SEXTA-FEIRA DIA 28 DE ABRIL! CONCENTRAÇÃO : 17H NO MERCADO CENTRAL

O Governo Temer esconde a verdade de você! NÃO É REFORMA! É retirada de direitos trabalhistas e previdenciários, a serviço dos bancos e empresas com dívidas milionárias com a Previdência. A terceirização reduz salários, precariza as relações de trabalho, piora a qualidade dos serviços e acaba com os concursos públicos. AGORA É UMA NAÇÃO INTEIRA DIZENDO: BASTA! TODOS JUNTOS! É GREVE GERAL em todo o país ! Participe! É SEXTA-FEIRA, 28 de abril! MOVIMENTO SINDICAL DE PELOTAS! APOIE QUEM APOIA...

Salário mínimo regional do RS é reajustado em 6,48%

Sem reposição de perdas passadas, Deputados aprovaram aumento que vale retroativamente a 1º de fevereiro. O valor para o setor das indústrias da alimentação, na terceira faixa, ficou em R$ 1.229,47 A Assembleia Legislativa aprovou na tarde desta terça-feira (25), por 46 votos a favor e 2 contrários, o reajuste de 6,48% para o salário mínimo regional, que passa a R$ 1.175,15. O resultado da votação, porém, desagradou as centrais sindicais, que defendiam a aprovação de uma emenda, que previa reajuste de mais 1,7%, totalizando 8,2%, para recuperar perdas acumuladas desde o ano passado, quando o piso gaúcho foi reajustado abaixo da inflação. A emenda sequer foi votada, uma vez que a base do governo José Ivo Sartori apresentou um requerimento de preferência, aprovado por 26 votos a 22, para a votação do texto original do PL 9/2017, como encaminhado pelo governo. De acordo com dados da CUT/RS, cerca de 1,3 milhão de trabalhadores estão com os seus salários corroídos pela inflação e estavam na expectativa do reajuste. Os trabalhadores de padarias, engenhos e indústria de laticínios e pequenos frigoríficos, entre outros setores, vão ter direito a uma diferença retroativa a fevereiro, data-base da votação do mínimo...

ATENÇÃO TRABALHADORES DA COSULATI ABAIXO RELACIONADOS

Trabalhadores abaixo relacionados no processo trabalhista 0057500~95.2008.5.04.0102, movido pelo Sindicato contra a Cosulati, estão convocados para uma assembleia a realizar-se dia 18 de abril de 2017 (terça-feira) nos locais e horários abaixo indicados. O processo é referente as diferenças adicionais de horas extras não pagas pela cooperativa em processo ajuizado em 2008 e que contemplou mais de 300 trabalhadores que faziam horas extras no período. Horário da primeira Assembleia: 15 horas Local: Abatedouro da Cosulati em Morro Redondo Horário da segunda Assembleia: 19 horas Loca: Afuco, na fábrica central, no Capão do Leão Assunto: analise e votação de proposta judicial de pagamento do referido processo. Adão Geovani Borges Casarin Adei Salvador Duarte Adelina Irene Vieira Macedo Ademar Hercílio Afra Aderlan Andrades da Porciúncula Adilson Nogues Islabão Adir Bausch Adriana Schaun Mohnsam Adriano da Silva Ayres Adriel Guerreiro Mendes Airton Hackbart Seyffert Airton Morales Sodre Aldeni Peres Valadão Alessando Islabão Alessandro da Silva Mendes Alessandro Pereira Luiz Alex Sandro Delias Gomes Alexandre Silveira Anselmo Alexandro Nickel Schmalfuss Alexsandro da Cruz Rodrigues Alfredo Alexandre Hellwig Hirdes Altamir Silva dos Santos Alvani Alves Valadão Alvaro Antonio C. de Macedo Jr. Ana Jussara Fuculo da Cruz Ana Paula Campelo Gularte André Borges Leivas André da Silva Rockembach André dos Santos Lima André Machado Gonçalves André Rodrigues Angela Cristina Blank Angela Goldbeck Mielke Starke Angelica Milech do Amaral Angelica Tavares Ferreira Angelo André da Silva Leal Antonio Carlos Silva de Lima Antonio Marcos Aires Silveira Antonio Ribeiro Carvalho Arcelino Borges de Souza Arlindo Linke Storch Armando da Silva Motta Armindo Krause Arnildo Ferraz Arnoldo Cunha Martins Assis da Silva Pires Aureo de Jesus Rosa...